sexta-feira, 19 de outubro de 2012

[Resenha] Josephini Angelini - Predestinados

O destino os uniu, os deuses os separaram.
__________________________________________________________________________________________
                                                                                                                                 Sem spoilers - Cortesia

PredestinadosSinopse: Helen Hamilton passou a vida inteira tentando disfarçar o fato de que é uma garota diferente, mas agora, aos dezesseis anos, isso está cada vez mais difícil. Não apenas por causa de sua força sobre-humana ou porque às vezes, sem motivo aparente, pessoas estranhas simplesmente a atacam, mas também porque ela teme que seu juízo esteja seriamente comprometido. Pesadelos recorrentes com uma estranha viagem pelo deserto e a visão de três mulheres derramando lágrimas de sangue a tem atormentado noite e dia. Ao mesmo tempo, um impulso inexplicável, incontrolável, passa a dominar seus pensamentos: Helen quer matar Lucas, um dos rapazes da glamorosa e misteriosa família Delos. À medida que descobre mais sobre sua verdadeira origem, ela percebe que a relação dos dois está submetida não só à sua vontade, mas a forças e tradições ancestrais.

__________________________________________________________________________________________
- Você não tem escolha [...]
- Não. [...] Não podemos fazer muitas escolhas, não é? [...]
Com uma premissa de mitologia helênica, não havia como "Predestinados" passar desapercebido por mim. Cedido por nossa parceira Intrínseca, logo que chegou em minhas mãos, o exemplar pedia para ser lido. Em um lindo trabalho de capa, delineado por uma película metalizada e resistente, precisava ser vivenciado o quanto antes. E foi o que fiz, mergulhando no mundo idealizado por Jo, em busca da Ilíada da vida de Helen e Lucas.
Encontrar os olhos dele a despertou. Pela primeira vez na vida, [...] soube o que era o mais puro e venenoso ódio.
O ritmo ágil na sucessão dos acontecimentos molda uma trama impossível de largar e de leitura tão ligeira quanto. Embora haja uma bagagem introdutória de uma trilogia, o livro equilibra razoavelmente bem suas explicações, com uma certa influência de outras obras já conhecidas, como "Sussurro", no modo de iniciar uma história que irá perdurar por outros volumes e até mesmo "Crepúsculo", em termos específicos do enredo. Coincidentemente ou não, essas duas sagas de sucesso foram lançadas pela Editora Intrínseca, em um padrão de publicação e edição, com o mercado americano influenciando o brasileiro.
- [...] Você não tem medo de se contaminar andando comigo?
- Não. Eu sou tão incrível que sou imune. E nerds são demais. Vocês são deliciosamente corruptíveis. E adoro o jeito com o você fica vermelha quando falo de calcinhas.
Josephine Angelini.
A maior referência atual do trabalho literário com a mitologia grega são os livros da série Percy Jackson e os Olimpianos (alerta Intrínseca!) - de Rick Riordan. A abordagem de Josephine é totalmente diferente do que o autor propõe em seus best-sellers; sem se privar de boas sequências de ação, suspense e romance. Há tempo não torcia por um casal como vibrei pelo par protagonista. Eles me passaram uma veracidade tão intensa e dilemas tão veementes que não havia como dar as costas a esse ponto da leitura, que emociona sem fazer do amor o tema universal do texto-leque que é Predestinados.
- [...] Sempre que penso que tenho tudo sob controle, você me faz rir ou diz algo muito inteligente, e sinto como se me perdesse um pouco. Pensei estar preparado, mas isso é mais difícil do que imaginei.
Com um recheio inesperado de reviravoltas, Helen cresce diante de nossos olhos, amadurecendo como personagem principal e tomando seu lugar como peça-chave do enredo. Muitos personagens são bem construídos e diversificados, embora outros sejam mais "estereótipos literários" que figuras em si. A melhor amiga cômica, o namorado livre de defeitos externa e internamente, a garota detestável que cria problemas para a protagonista são exemplos que apetecem à obra um valor pouco crível em dados momentos. É possível imaginar vários personagens só com essas características, não é mesmo? Trata-se, na maioria das vezes, da inserção de uma certeza de algo que funcionou em obras já denotadas.
Estava cansada de ficar com raiva o tempo todo. Lutar e matar, ou lutar e morrer, ela realmente não se importava. Desde que pudesse manter seu pai a salvo de toda essa tragédia grega sem sentido, ela enfrentaria tudo o que poderia acontecer.
A variação periódica de pontos de vista, algo que realmente não esperava, contribuiu para dimensionar a história, dinamizando as relações leitor-personagem e personagem-personagem, evitando ainda o pragmatismo. Sem muitas revelações, afirmo que não só por mentes sãs e apaixonadas somos levados durante essas mudanças, que ocorrem em momentos oportunos do enredo, causando reações à flor da pele. Se você já leu Ecos da Morte, entenderá do que falo e sabe o quão caótico é caminhar nas observações de psicopatas.
- Você me quer, de alguma forrma, ou só acha divertido me provocar assim? […] Você não vai nem me beijar? 
- Se eu beijar você, não vou parar - sussurrou ele, desesperado, enquanto se apoiava nos cotovelos para olhá-la nos olhos.
Continuação
de "Predestinados".
Angelini angariou uma bagagem mitológica visivelmente bem editada, inserindo sua própria imaginação no meio desta tragédia grega contemporânea e fascinante. A grande conquista em um livro como esse é a dosagem em que tudo é disposto; não demasiando-se em romances embromados por capítulos e mais capítulos, não dedicando vários parágrafos de descrições desnecessárias e não sendo óbvia nos rumos que a história poderia seguir. Com um amor complicado, interessante e acreditável, uma exploração consciente do cenário das características físicas dos personagens e uma habilidade incomum em converter mesmices em aguardadas continuações; Predestinados tem bastante a oferecer. Creio que o destino lhe reserva uma ótima experiência com ele, boa leitura!
- [...] Não me importa o quanto seja difícil ficarmos juntos, nada é pior que ficarmos separados.

Título: Predestinados.
Autora: Josephine Angelini.
Editora: Intrínseca.
Número de Páginas: 315.
Tradução: Ana Luíza Libânio Dantas.

44 comentários:

  1. Caíque, minha amiga é uma leitora tão assídua quanto todos nós, blogueiros literários, e, por acaso, comprou "Predestinados" na Bienal deste ano. Logo que o leu, veio contar para mim que adorooooooooou a história e foi bastante surpreendida com o conteúdo dela e com a mistura de tantos sobrenaturais já nossos conhecidos. Eu gostei bastante de "Percy Jackson", por exemplo, embora esteja muito longe de ser uma fã como você.,e acho que a história desse livro também vai me interessar. Ainda mais pelas quotes que você selecionou. Senti que estavam falando comigo nesse debate sobre nerds. hahah
    Ótima resenha =)
    Beijo!

    ResponderExcluir
  2. A sua amiga tem um ótimo gosto literário; "Predestinados" realmente foi um ganho à minha lista de leituras esse ano e anseio pela continuação! Riordan é demais, mas ainda prefiro "O Herói Perdido" a qualquer livro de PJ. Que bom que se reconheceu nas quotes, elas são uma mão na roda e os leitores gostam, que é o mais importante ;)
    Obrigado por comentar, um beijo!

    ResponderExcluir
  3. Oi Caíque!
    Já tinha visto esse livro, mas não sabia a história (eu e minha mania de não ler sinopses. rsrs). Achei interessante o tema abordado. Gosto de mitologia apesar de saber bem pouco. A capa é linda e me faz lembrar um pouco de Silence e Julieta Imortal (por causa da água).
    Fiquei super afim de ler esse livro. A resenha está ótima!


    Bjs
    Gabi Lima
    http://livrofilmeecia.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Espero mesmo que leia, posso até te emprestar. Depois da Nanda, haha, aposto que vai gostar! Um beijão e obrigado por comentar (=

    ResponderExcluir
  5. Olá Caique, gostei da resenha, desde que lançaram esse livro estou ansioso por ele, estou sem grana pra comprar, mas a cada resenha que leio fico com mais vontade, esse tema mitologia sempre me chamou a atenção desde PJ até esses que estão sendo lançados agora... Mega ansiedade pra ler Predestinados, espero que seja breve, Abraços,.

    ResponderExcluir
  6. Ok né, me pergunto porque exatamente não tinha lido essa resenha ainda, hahaha... O livro realmente é a minha cara e agora vou participar com ainda mais afinco da promoção! asheoihaseoihase Se tem algo parecido com Sussuro j'á ganha muitos pontos comigo, haha! E essa coisa toda dos personagens clichês sempre me ganham, é uma fórmula de sucesso e que eu amo demais; Além de tudo, ainda queria conhecer um pouco de mitologia (sem ter que me meter nos livros do tio Rick, mas já sei que vou ter que me render) e essa parece outra boa pedida! E a capa linda, que você sabe, me conquista na hora, hasoeihaseoisaheoaihe


    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. To com muuuita vontade de ler esse livro x3

    ResponderExcluir
  8. Quero muito ler esse livro.

    ResponderExcluir
  9. Eu não estava com a menor vontade de ler esse livro, mas sabe que agora ela chegou!
    Eu confesso que não aguento mais livros desse tipo, as protagonistas vazias me deixaram traumatizada, mas se esse livro é tão bom quanto vc diz, acho que vale a pena tentar, eu sinto falta de protagonistas que realmente me motivem a terminar de ler ^-^

    ResponderExcluir
  10. Ola!! Adoreii a resenha estou louca pra comprar esse livro , pois adoro mitologia grega e achei a historia bem diferente!! Ansiosa pra ler!!

    ResponderExcluir
  11. Eu já tentei ganhar esse livro em outra promoção e fiquei muito infeliz quando soube que não fui eu.

    A historia parece ser otima, e eu estou realmente querendo ler.

    Já li a série Hush Hush e sou simplesmente apaixonada.

    ResponderExcluir
  12. fiquei intrigada por essa resenha... quero ler esse livro! :D

    ResponderExcluir
  13. Que bom que se interessou pelo livro, Tamara! Espero que, quando houver a possibilidade de lê-lo, tenha uma ótima experiência com a leitura do mesmo, assim como eu tive! Um beijo e obrigado por comentar (=

    ResponderExcluir
  14. Não posso torcer especificamente por algum(a) participante da promoção aqui do blog, mas não ficaria triste se você fosse a vencedora, Aline! "Predestinados" é muito interessante de se ler, é daquelas histórias que você não espera nada e ganha tudo, a referência com Hush Hush não chega a ser negativa não, então, é ainda melhor se gosta dela XD
    Obrigado pelo comentário, um beijo!

    ResponderExcluir
  15. Que bom que gostou da resenha, Hanna! Mitologia Grega é sempre um assunto que "dá pano pra manga", e quando é bem aplicado, como em "Predestinados", é melhor ainda! É mesmo bem diferente do que estou acostumado desse tema, com Percy Jackson e tudo mais, e não me arrependi em ter me arriscado a lê-lo. Boa sorte na promoção, um beijão e obrigado por comentar :D

    ResponderExcluir
  16. Não sabe a felicidade que me dá quando consigo mudar o pensamento de um leitor a respeito de um livro que gostei; é uma das pequenas coisas que fazem esse hobby de blogueiro-literário valer a pena! Há um movimento de protagonistas "badass" por aí e outra linha de gênero que permanece na mesmice da donzela em perigo e acho que Helen é o meio termo, como o ser humano é, ser determinismos, somos um tantão mais do que isso \o/ Aposto que sua leitura será estupenda e realmente torço para isso, obrigado pelo comentário e um beijão =D

    ResponderExcluir
  17. Aposto que não irá se arrepender, Gabriela. Obrigado por registrar seu desejo de lê-lo aqui!

    ResponderExcluir
  18. Mitologia Grega motiva qualquer um, certo? Espero que consiga lê-lo o quanto antes e mate de vez essa vontade! Obrigado por compartilhar conosco sua vontade \o\

    ResponderExcluir
  19. Somos todos muito sem tempo e com muitas vontades, Nanda, se dê uma folga XD Não tinha pensado nisso, que pode ser para você e muitos outros uma introdução à Mitologia Grega na literatura sem ser obrigado a acompanhar Rick Riordan, assim de cara - apesar de que você vai se render, hehe. Vou te emprestar o mais rápido possível, só tenho uma outra amiga na fila XD Um beijo e obrigado por sempre comentar neste blog tão controverso \o\

    ResponderExcluir
  20. Torço para que também não demore a lê-lo, Rafael, é uma leitura muito gostosa de se realizar. Fico feliz de ter gostado da resenha, é sempre um desafio passar nossa impressão sobre obras literárias através de poucas palavras, mais ainda quando se trata de algo tão bacana como "Predestinados". Ótima pedida para nós, semideuses \o\ Obrigado por comentar, um abraço (;

    ResponderExcluir
  21. Estou Muito ansiosa para ler este livro!Parece ser muito interessante, do tipo que quando começamos a ler não conseguimos parar!Ótima resenha!

    ResponderExcluir
  22. Tenho lido algumas resenhas sobre esse livro e desejo muito ler. Após ler sua resenha, essa certeza e vontade de ler o livro aumentou mais ainda. Gostei muito da resenha, a capa é lida e seu blog é muito interessante.

    ResponderExcluir
  23. Oi Caíque, tenho muito interesse por Predestinados, mas tinha ficado com um pé atrás por ter pensado que se tratava de um livro de época. Enfim, fiquei feliz em saber da existência de todos esses elementos clichês dignos de YA e, além de tudo, a escrita agradável da autora e o enredo misturando seres mitológicos me fez ficar com vontade de sair correndo para a livraria agora mesmo e comprar este livro.


    Matheus, Bobagens & Livros.

    ResponderExcluir
  24. Não se arrependeria se o fizesse, Matheus! Espero que sua futura leitura de "Predestinados" corresponda às suas expectativas - o que eu acredito que aconteça! Um abraço e obrigado pelo comentário (:

    ResponderExcluir
  25. Que bom que a resenha ajudou nessa vontade boa, Maristela, rsrs. Obrigado pelos elogios, procuro sempre melhorar com o LLM, apesar dos pesares XD Obrigado por comentar, um beijão :)

    ResponderExcluir
  26. Exatamente, Silvania! O livro sabe prender o leitor muito bem, talvez não tanto no começo ou o tempo todo, mas há tanta coisa acontecendo que varia de leitor pra leitor, mas enfim, desejo-lhe uma leitura incrível! Um beijo e obrigado pelo comentário [=

    ResponderExcluir
  27. Fico feliz pela resenha ter te passado uma sensação tão diferente, Tamara! Torço para que consiga lê-lo o quanto antes. Obrigado por comentar :D

    ResponderExcluir
  28. Segredos em Livros31 de outubro de 2012 08:38

    Adorei a resenha. Tô com muita vontade de ler esse livro. Estou curiosíssima em relação a história. Parabéns pelo post. Bjs, Fê

    http://segredosemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  29. Eu adorei esse livro. Foi um dos melhores que li esse ano e estou ansiosíssima pela continuação. Sua resenha está ótima, me deu até vontade de ler o livro de novo. Parabéns.

    ResponderExcluir
  30. Ouvi falar muito bem desse livro, estou louca para poder conferir a história!!

    ResponderExcluir
  31. Quero muito ler esse livro, de tanto falarem e recomendarem quero comprovar se é mesmo tãão bom como dizem! rss

    ResponderExcluir
  32. Deve ser legal por que eu tenho alguns amigos que ja leram e3 gostarao a resenha é boa vamos ver o livro

    ResponderExcluir
  33. Nossa, sempre quis este livro! Deveria ter comprado na Bienal quando vi...

    ResponderExcluir
  34. Sou simplesmente apaixonada nesse livro. Na verdade ainda não o li, mas pela sua resenha, pela sinopse e pela capa eu me apaixonei. Espero ler ele em breve.

    ResponderExcluir
  35. Esse livro não estava na minha lista, mas, depois dessa resenha, impossível não ficar curiosa. :)

    ResponderExcluir
  36. Parabéns pela resenha,ainda não li o livro mas está na lista, criativa a capa,adoro mitologia,curiosa para descobrir o que acontece com Helen e Lucas.
    Achei muito interessante a resenha ,porque intercalou frases que chamam a atenção do leitor,para ficar curioso e descobrir o que acontecerá no final da série

    ResponderExcluir
  37. Obrigado pelos elogios à resenha, Vannessa! As citações (também as chamamos de quotes!) são um charme à parte nas análises, não só do LLM como de vários blogs literários. Gosto especialmente delas por criar uma interatividade maior, tornando a leitura menos monótona e mais instigante, como você mesma salientou! Agradeço o comentário, volte sempre, viu? Um beijo!

    ResponderExcluir
  38. HAHA, esse é o espírito da coisa, Camila! Espero que possa lê-lo o quanto antes para matar essa curiosidade ;) Obrigado por comentar, um beijo (:

    ResponderExcluir
  39. Que bacana isso de se conectar tão intensamente com uma obra sem mesmo tê-la lido, Mary! Não consigo ser assim, mas aposto que essa sua paixão por "Predestinados" será multiplicada ao ler a história, é realmente boa! Um beijo e obrigado pelo comentário =D

    ResponderExcluir
  40. Poxa, deveria mesmo, Inês. "Predestinados" é uma ótima leitura e eu lhe aconselho a adquiri-lo o quanto antes! Um beijo e obrigado por comentar =]

    ResponderExcluir
  41. Pois então veja o livro e aproveite bastante, Jéssica, seus amigos parecem possuir um bom gosto e um ótimo senso por gostar de "Predestinados" xD Quando tiver a oportunidade de lê-lo, volte e me conte o que achou! Obrigado pelo elogio à resenha e pelo comentário, volte sempre. Um beijo!

    ResponderExcluir
  42. Faz bem em querê-lo, Kayla. E não é em vão que falam sobre ele, isso eu posso afirmar! Corra e o adquira o mais rápido possível para comprovar o que estão dizendo, e venha aqui me falar o que achou da leitura, combinado? Um beijo e obrigado por comentar (;

    ResponderExcluir
  43. Poxa, nem fale em continuação, Evelyn! Mal posso esperar por "Dreamless", mas espero pelo menos alguma informação bacana da Intrínseca quanto a isso no primeiro semestre de 2013; o que acha? Obrigado pelo elogio e por comentar aqui, é sempre bem vinda! Um beijo ;D

    ResponderExcluir
  44. Obrigado pelo elogio, Fê! Ficarei no aguardo que possa lê-lo e vir me contar o que achou, "Predestinados" fica ainda melhor quando compartilhamos nossos pareceres sobre a obra (; Volte sempre, um beijo!

    ResponderExcluir

A sua opinião é mais do que bem-vinda aqui no blog. O único pedido é que você seja cortês ao expressá-la, evitando o uso de termos ofensivos e preconceituosos. Assim, todos poderemos manter uma discussão saudável e bastante proveitosa. Obrigado!